Reflexão Sobre Terapia Regressiva – Um enfoque Consciencial

Refletindo profundamente na TR, o interesse pelas dimensões superiores e espirituais da psique, leva a ciência a se interessar pelas capacidades e potencialidades últimas; onde a auto realização humana não se esgota no “ser plenamente pessoa”, acessando a dimensão cósmica, espiritual ou a transcendência dos próprios limites da pessoa.

É dada atenção ao fenômeno experiencial em si, ou seja, fenômenos extraordinários de alteração da consciência, e os posteriores efeitos e implicações psicológicas, para a compreensão da estrutura, da dinâmica e do desenvolvimento da personalidade.

O conteúdo do eu é o conteúdo do mundo. A saúde envolve mudança da identificação exclusiva com a personalidade, mais do que uma modificação desta. O indivíduo não tem um único eu, mas uma multidão intrapsíquica de eus autônomos (sub personalidades para Assaglioli), com os quais, alternadamente, a consciência se identifica. O conteúdo do eu é o conteúdo do mundo.

O caminho da Transformação é evitar a identificação com qualquer um dos pólos opostos, controlando e dirigindo a energia para um centro unificador mais elevado de consciência e poder. Transformar é unificar e integrar a vontade com o amor, humanizando o poder. Amor e poder é o mais básico dos antagonismos. A vontade desenfreada pode ser perigosa pela carência de coração e o amor sem vontade pode tornar-se débil, sentimental, ineficaz e excessivamente emocional.

O amor sendo magnético e extrovertido tende a unir, e a vontade sendo dinâmica tende a ser dominadora, separativa e gera dependência.

A atitude antagônica com relação à vontade, pode ter sido causada por uma reação exagerada contra a imposição impiedosa e imoderada desta qualidade no passado.

Trabalhamos com o desapego, condição para o bom desenvolvimento fisiológico e psíquico, propiciando abertura para o mundo do Ser Essencial. O desapego é mais que uma atitude moral; trata-se de substituir uma atitude ego – centrada, para uma atitude teo – centrada (se tornar um lugar disponível no qual Deus possa entrar). É se libertar do que possuímos e do que nos possui, bem como das marcas inconscientes que estão na origem dos nossos apegos.

Construímos um novo nível de consciência, para que a alma em sua imortalidade busque o verdadeiro caminho do desejo infinito, sua evolução.

Fátima Rodrigues & Noelly Heredia
Psicoterapeutas
Tel: 2549 4813

 

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>